As férias acabou, e agora? Como voltar?

Quando somos adolescentes admiramos a rotina dos amigos e familiares mais próximos…

O traje todo social, o perfume, a mala daquela viagem a trabalho … era tudo tão glamoroso que meus olhos brilhavam que só!

 

Conversando com amigos e familiares percebi que esse sonho não era algo só meu…

Sempre temos um encantamento por aquilo que não conhecemos, mas acreditamos ser importante. Engraçado, não?

Esse ano completando 10 anos de vida corporativa sinto saudades do tempo em que os olhos brilhavam por isso…

Desejamos tão fortemente crescer e realizar coisas grandiosas que muitas vezes não prestamos toda a atenção que deveríamos ao momento presente.

Fácil falar isso agora, não?

Fácil olhar para o passado e julgar aquilo que devíamos ter vivido ou aproveitado mais.

Em 2016, após ver a minha vida por um fio e ter que me despedir de pessoas tão queridas em minha vida refleti muito sobre tudo isso.

Eu era (e digamos que ainda tenho recaídas..kkk) uma pessoa extremamente ansiosa…raras vezes me desconectava das coisas que eu precisava fazer e ainda tinha pitadas de culpa pelas coisas que não saiam exatamente como planejado.

Porém, para a minha alegria as férias que acabo de passar foi a segunda vez que tive um longo tempo completamente desconectada e curtindo os momentos e as pessoas que estavam perto de mim.

É uma sensação de paz e de completude quase que indescritível.

Contudo, a pergunta é…como voltar a rotina?

Quando a sua vida profissional está completando os seus desejos e te realizando é sempre mais fácil, o problema é quando você não se sente mais conectada a esse mundo.

E agora?

Períodos de férias ou mesmo o período de começo de ano costumam ser bastante propícios a este tipo de reflexão.

Aproveite a onda que surge e o clima favorável a avaliar sua vida ou resoluções para o ano que se inicia e faça uma análise brutalmente honesta com você mesmo.

Para ajudar nisso deixo a dica de que olhem a sua vida a partir desta proposta de roda da vida.

 

Ela pode ser utilizada de várias formas, mas aqui indico que realmente somente utilize como um guia para os seus pensamentos, reflexões e construções de metas para este ano.

Agora é só pegar papel, caneta e mãos à obra!

Beijos e abraços,

Thais Lima

Coach e Mentora

*As opiniões ou os comentários aqui manifestados não representam as opiniões ou posições da BM&FBOVESPA.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *